PIBID

PIBID

quinta-feira, 28 de maio de 2015

Aula sobre estratégias para bom uso da Água - Escola Estadual Coronel José Martins

No dia 28 de maio de 2015, ministramos aulas nas turmas de 9° ano da Escola Estadual Coronel José Martins com o intuito de exemplificar estratégias para bom uso da água. Após um debate sobre meios de reduzir o consumo de água e também de como reaproveitá-la, fizemos duas práticas no pátio da escola, que consistia em revisar todo conteúdo já ministrado e também para descontrair os alunos.


  • Prática 1:  Pedir para os alunos fazerem duas fileiras, uma em frente a outra. Após isso, os alunos contariam uma história sobre água e solo, abordando a sua importância, poluição hídrica, relacionando água e saúde e estratégias para bom uso da água. Cada aluno contaria um pedaço da história. Quando algum aluno pronunciasse a palavra "água", eles teriam de pular para a esquerda e quando pronunciassem a palavra "terra" ou "solo", pulariam para a direita. O aluno que pulasse para o lado errado sairia da brincadeira. A brincadeira tinha como objetivo abordar de forma lúdica todo conteúdo ministrado durante o semestre.
  • Prática 2: Para descontrair os alunos, fizemos uma brincadeira de "morto - vivo". Quando os Pibidianos diziam: "Solo!", todos ficavam agachados. Quando diziam: "Água!", todos davam um pulinho e ficavam de pé. Quem não cumprisse as ordens era eliminado, até sobrar um só participante, que seria o vencedor.

    O grau de dificuldade da brincadeira varia conforme a velocidade em que os comandos são dados, lembrando que a sequência das ordens podem variar, por exemplo: “Água! Água! Água! Solo! Solo! Água!”. Isso irá confundir os alunos e exigirá ainda mais atenção dos participantes. Essa brincadeira é ótima para estimular concentração, atenção e coordenação motora.

Aula Prática de Análise de Micro-organismos Aquáticos e Morfologia de larvas de Aedes aegypti.

Na visita do Pibid à Escola Estadual Professor Salatiel de Almeida no dia 20 de maio de 2015 , executamos com os 2º anos uma aula prática cujo objetivo era, Análise de Micro-organismos Aquáticos que possuem a função de bioindicadores de qualidade de Água, e análise das estruturas morfológicas da larva do mosquito da Dengue. Para aula prática, utilizamos equipamentos e materiais do laboratório de Microscopia do IFSULDEMINAS Campus Muzambinho, e também o microscópio da própria Escola Estadual Professor Salatiel de Almeida. Coletamos água de bromélias no campus para análise de micro-organismos, e conseguimos doações de larvas do mosquito Aedes aegypti. No início da aula fizemos uma pequena apresentação sobre quais micro-organismos seriam visualizados no microscópio, e o por quê. Depois pedimos para que alunos visualizassem nas lupas as larvas Aedes aegypti,e no microscópio as Rotíferas. Depois todos terem visualizado, dividimos a turma em grupos, e aplicamos um questionário com questões discursivas dos temas já trabalhados em sala nas aulas anteriores, no final do questionário também haviam questões sobra a aula prática.
Em suma, constatamos que os alunos demonstram uma maior empolgação em aulas práticas, e que conseguem associar os conteúdos teóricos com essas. E mesmo com a aplicação de um questionário com questões discursivas eles não demonstraram nenhuma resistência a aula, muito pelo contrário, estavam bem animados.









quarta-feira, 27 de maio de 2015

XII Congresso Nacional de Meio Ambiente de Poços de Caldas

 O XII Congresso Nacional de Meio Ambiente de Poços de Caldas realizado do dia 20 à 22 de maio de 2015, abordou questões sobre a crise hídrica e energética. Os Bolsistas do PIBID que participaram do congresso, usufruíram de diversas programações, tais como: palestras, mesas redondas, minicursos e atrações culturais. Todas com ótimos conteúdos, abordados por grandes profissionais da área.



Palestra com Engenheiro Florestal Rodrigo Martins Goulart

Na reunião semanal do PIBID no dia 18 de maio 2015, tivemos a presença do Mestre em Engenharia Florestal Rodrigo Martins Goulart. Ministrando uma palestra sobre o SISEMA (Sistema Estadual de Meio Ambiente) e os seus órgãos constituintes, e relatando um pouco da sua atuação na Unidade Conservação pelo IEF( Instituto Estadual de Florestas).  A palestra foi bem dinâmica, gerando debates sobre diversas temáticas, tais como, (CAR) Cadastro Ambiental Rural,  Novo Código Florestal e a Função do Biólogo nos Órgãos Ambientais.